segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Veja o recente lançamento do "Atlas Geografia do Uso de Agrotóxicos no Brasil e Conexões com a União Européia", elaborado pela Profa. Larissa Mies Bombardi da Faculdade de geografia da USP.

Trata-se de um levantamento de dados exaustivo e sem precedentes sobre o consumo de agrotóxicos no Brasil (todos com fontes oficiais) e faz um paralelo com o que acontece na União Européia. Conta com uma introdução sintetizando o trabalho de pós-doutoramento da professora e, a partir da página 67, são mais de 200 páginas com infográficos que esmiuçam, quantificam e facilitam a compreensão do TAMANHO DO PROBLEMA.

Considero de leitura obrigatória, não só para os profissionais das ciências agrárias, saúde e economia, mas para todos os que se alimentam e bebem da água produzidos neste país.... Não querendo ser alarmista, mas já sendo... Só democratizando as informações é que vamos conseguir mudar alguma coisa neste país. O Atlas encontra-se no formato digital para download gratuito no link:
Atlas Geografia do Uso de Agrotóxicos no Brasil e Conexões com a União Européia .
ou para compra no formato impresso, a partir do dia 11/12/2017, no blog:
Compra do Atlas "Geografia do Uso de Agrotóxico no Brasil e Conexões com a União Européia"

Boa leitura!

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Com ALEGRIA COMUNICO QUE O 11°CONGRESSO NACIONAL DE SINDICATOS DE ENGENHEIROS APROVOU A SEGUINTE MOÇÃO:

IMPORTÂNCIA DE PRESERVAR A FLORESTA DE CAMBOATÁ

Por meio de relatórios técnicos, palestras, entrevistas e contatos com órgãos técnicos e entidades da sociedade civil, os pesquisadores Rogério Gribel e Haroldo Lima expressaram o seguinte posicionamento quanto à construção de um autódromo no fragmento florestal do Centro de Treinamento de Camboatá:

As florestas em terrenos ondulados de baixa altitude foram suprimidas quase na sua totalidade no município do Rio de Janeiro, especialmente pela facilidade de utilização para atividades agrícolas e pecuárias, bem como pela expansão da malha urbana. O remanescente florestal de Camboatá, entre as cotas de 35 e 50 m de altitude, resguarda uma pequena amostra (cerca de 80 hectares) de um tipo de floresta que praticamente não existe mais na região. Neste fragmento sobrevivem dezenas de milhares de árvores nativas e sua fauna associada. Com base nos dados disponíveis, a área da Floresta de Camboatá revelou ser muito diversificada biologicamente, com presença de espécies vegetais e animais raras, endêmicas e ameaçadas de extinção. A proteção feita pelo Exército Brasileiro deste peculiar fragmento florestal de Camboatá, no meio de um ambiente urbano densamente urbanizado e a beira da Avenida Brasil, é um fato notável. Pela ação do Exército, foram conservadas, até os dias atuais, amostras representativas da imensa biodiversidade que ocorria neste tipo ecossistema.

Por sua localização estratégica na paisagem do Município do Rio de Janeiro, entre os Maciços da Tijuca, Pedra Branca e Gericinó-Mendanha, a Floresta de Camboatá provavelmente funciona como ponto de parada, descanso e alimentação para animais alados (aves, morcegos, grandes abelhas) que se deslocam entre os referidos maciços. Desta forma, as populações destas espécies podem se conectar e, portanto, não ficam geneticamente isoladas. Adicionalmente, esses animais podem promover a movimentação de pólen e sementes entre as florestas dos maciços, minimizando também os efeitos deletérios do isolamento genético para as espécies vegetais. Áreas de conexão, como a Floresta de Camboatá, mesmo se relativamente pequenas, cumprem funções desproporcionalmente importantes para a manutenção da viabilidade genética de populações de animais e plantas nativas nas áreas naturais do município do Rio de Janeiro. Portanto, sua conservação deve ser vista de forma prioritária.

Caso a área seja disponibilizada para outro fim social, o ideal seria considerar o uso da mesma para o lazer da população do entorno e para a conservação do fragmento florestal remanescente, por meio da criação de um grande parque urbano (“Parque Natural Municipal do Camboatá”). As instalações das estruturas de lazer (ciclovias, quadras esportivas, anfiteatros, etc.) poderiam ser feitas nas áreas já desflorestadas circundantes ao fragmento, cerca de 68 hectares somente na área do Campo de Instrução de Camboatá. Seria um espaço importante para as comunidades que vivem nos bairros da Zona Norte e nos municípios da Baixada Fluminense próximos.Concomitantemente, se conservaria a mancha central de cerca de 80 hectares da floresta remanescente, de preferência como área intangível.Desta forma, se conciliaria a conservação do raro fragmento florestal com o incremento da qualidade de vida de milhões de pessoas que vivem no entorno, tão carente de áreas para contato com a natureza, lazer e esporte.

A construção de um autódromo na Floresta de Camboatá levaria a degradação deste importante remanescente florestal, além de gerar altos níveis de poluição sonora em local residencial. Portanto, esta iniciativa nos parece muito inadequada do ponto de vista ambiental e social.  Para este autódromo, sugerimos estudos para identificar alternativas locacionais, de preferencia em áreas que já tenham sido ambientalmente degradadas e que sejam afastadas de zonas residenciais densamente povoadas.

Rogério Gribel e Haroldo Lima

terça-feira, 20 de junho de 2017

Conab abre inscrições para novos projetos do PAA


Organizações da Agricultura Familiar, Associações e Cooperativas interessadas em vender sua produção para a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) devem apresentar suas propostas a partir de hoje (14), até 14 de julho, por meio do sistema PAAnet. A seleção é para projetos de Compra com Doação Simultânea (CDS) do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) disponibilizou R$ 50 milhões para o Programa, sendo 38,5 milhões para a modalidade CDS.

A fim de proporcionar uma melhor distribuição dos recursos, o Grupo Gestor do PAA definiu que 60% da verba destinada à Compra com Doação Simultânea será destinada às regiões Norte e Nordeste. Cada organização fornecedora poderá apresentar apenas um projeto, com valor máximo de R$ 320 mil e R$ 8 mil por agricultor.

A Conab irá analisar as propostas considerando os seguintes critérios de participação: mulheres rurais; povos, comunidades tradicionais e assentados; produtores de alimentos orgânicos ou agroecológicos; agricultores de municípios em situação de insegurança alimentar; valores do projeto; e logística de entregas dos produtos. O detalhamento dos critérios está disponível na página da Conab.

Os projetos devem ser apresentadas por meio de associações ou cooperativas com DAP jurídica. Mais informações sobre a elaboração e a inscrição de propostas podem ser obtidos junto às superintendências regionais da Conab em cada estado.  

A CDS tem como finalidade o apoio aos agricultores familiares, por meio de cooperativas e associações, a partir da compra de sua produção. Os alimentos adquiridos são destinados ao abastecimento da rede sócio-assistencial e também de Equipamentos Públicos de Segurança Alimentar e Nutricional, como restaurantes populares e cozinhas comunitárias.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

No dia 26/06/2017 (segunda-feira), será necessário FECHAR a Pista Cláudio Coutinho


No dia 26/06/2017 (segunda-feira), será necessário FECHAR a Pista Cláudio Coutinho à visitação para execução de serviços ambientais previstos no projeto de Manejo das Espécies Exótica Invasoras da Flora. Esse manejo prevê a substituição gradual das espécies exóticas (não nativas), que causam grande impacto ambiental, por espécies nativas da nossa Mata Atlântica com o objetivo de recuperar ambientalmente a área.  Nesse dia em especial, também será realizada algumas podas de alta complexidade, o que colocaria em risco a segurança dos visitantes durante a execução desse serviço. Mais detalhes sobre os projetos realizados no MoNa clique aqui.
A decisão de escolher uma segunda-feira para a interdição teve a intenção de causar o menor transtorno possível na visitação, já que é o dia de menor movimento na Pista. Além disso a gestão desta Unidade de Conservação (MoNa Pão de Açúcar) estaria amparada pelo Decreto Municipal nº 30.181/2008 que institui às normas de Visitação das Unidades de Conservação (UC) municipais, onde em seu Artigo 1º § 1.º prevê o fechamento às segundas (ANEXO 1).
 
 

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Movimento Inter-Religioso do Rio de Janeiro completa 25 anos



Na próxima segunda feira, dia 5 de junho o MIR-Movimento Inter-Religioso do Rio de Janeiro completa 25 anos de existência. Nascido na Vigília dá Eco-92 ao longo desse tempo, com a participação de diversas tradições, contribuiu para que a ferramenta do diálogo Interreligioso formasse pontes, aproximando pessoas e mostrando que é possível trabalhar junto na construção de um mundo de paz, alegria, solidariedade, respeito, ... 

É tempo de celebrar !!!

Mas como celebrar diante de tantos desafios presente no cotidiano de nossas vidas? Entendemos que é de forma íntima, em família, conversando sobre iniciativas de sucesso realizadas, alimentando a esperança de que é possível construir pontes através do diálogo entre diferentes tradições que compõem o mosaico da diversidade religiosa.  Faremos homenagens a personagens que nos ensinar a beleza do Servir e Compartilhar o Sagrado. Com este propósito realizaremos no dia 5 de junho o Chá das Tradições no horário de 16 às 21 h, Rua do Russel 76, Glória, RJ.  Destacamos os momentos dá Cerimônia Inter-Religiosas (18h) é o lançamento do CD Gratitude de Athamis Bárbara Barbosa (19 h). Venha curtir este momento!!! Sentiremos honrados com Sua Presença.





 

FÓRUM ESTADUAL SOBRE POLÍTICA AMBIENTAL


terça-feira, 30 de maio de 2017

Regina Casé e a filha, grávida, plantam árvores no Rio e encontram ator


III ENCONTRO PARQUES DE MONTANHA


200 VOLUNTÁRIOS PARTICIPAM DE PLANTIO
NO PARQUE NACIONAL DA TIJUCA 


DIAGNÓSTICO DE COMUNIDADES VAI CONSTRUIR PROGRAMA SOCIOAMBIENTAL



14 mirantes para se deslumbrar 

com o Rio de Janeiro


II SEMINÁRIO CRIANÇA E NATUREZA




O CAMINHO SECRETO DO RIO DE JANEIROO CAMINHO SECRETO DO RIO DE JANEIRO


quarta-feira, 10 de maio de 2017



 Após mais de um século, três micos leões aparecem no Município do Rio

APÓS MAIS DE UM SÉCULO, TRÊS MICOS LEÕES APARECEM NO MUNICÍPIO DO RIO


Caminho da Mata Atlântica será a primeira trilha brasileira com mais de 3.000 Km




O Caminho da Mata Atlântica será a primeira trilha brasileira com mais de 3.000 Km, começando no Parque Nacional dos Aparados da Serra (RS) e chegando até o Parque Estadual do Desengano (RJ).

A ideia é interligar diversas trilhas importantes já existentes, como a Trilha Transcarioca, os Caminhos da Serra do Mar (Travessia da Serra dos Órgãos), a Volta da Ilhabela, o Caminho do Mar, a Trilha do Continuum (TransPETAR), os caminhos da Conceição e da Graciosa e a Travessia dos Cânions do Sul, entre muitas outras, fortalecendo e disseminando iniciativas locais.

A grande trilha cruzará mais de 60 áreas protegidas, incluindo 10 Parques Nacionais e 32 Estaduais, formando um grande corredor e promovendo o ecoturismo, a geração de renda para comunidades locais e a conservação das áreas protegidas.

O Caminho da Mata Atlântica é uma iniciativa do Borandá, movimento social fomentado pelo WWF-Brasil que conta com muitos parceiros, entre órgãos gestores de Unidades de Conservação, clubes de montanhismo e organizações da sociedade civil.

Conheça um pouco mais do Caminho da Mata Atlântica e ajude a tornar essa ideia realidade.


Siga também @caminhodamataatlantica no instagram.

terça-feira, 2 de maio de 2017



Prezados amigos

 
A Rede de Mosaicos de Áreas Protegidas realizará de 25 a 27 de maio de 201, o Encontro de Mosaicos da Mata Atlântica no âmbito da Semana Mata Atlântica 2017.
 

             No dia 25 de maio,quinta -feira,  na Sede do Conselho Nacional da RBMA, localizada na Rua do Horto, 931 no bairro do  Tremembé,  da capital paulista no Horto Florestal , zona norte de São Paulo, será realizada a  27ª Reunião do Bureau do CN-RBMA .

             No dia 26 de maio,sexta-feira,  no Auditório Prof. Aristóteles Orsini - Escola de Astrofísica  no Parque do Ibirapuera, será realizado o Seminário Semana Mata Atlântica 2017 conforme programa preliminar em anexo.

             No dia 27 de maio, sábado ,em duas salas no subsolo do mesmo prédio  serão realizados a Assembleia Geral da Rede de ONGs da Mata Atlântica e Encontro de Mosaicos da Mata Atlântica /  Rede de Mosaicos de Áreas Protegidas.

O Auditório Prof. Aristóteles Orsini da Escola de Astrofísica  esta localizado dentro do Parque do Ibirapuera e seu acesso é feito pela Av. Pedro Álvares Cabral, s/n (acesso ao Parque do Ibirapuera), portão 10 (para pedestres) ou portão 3 (para estacionamento com uso de cartão zona azul que pode ser adquirido nos guichês de Zona Azul localizados próximos ao Planetário).

quinta-feira, 20 de abril de 2017

 
Do amigo Horácio para todos os amigos da Trilha Transcarioca,
Entre os dias 23/04/2017 e 07/05/2017 estaremos percorrendo a Trilha Transcarioca de ponta a ponta em 15 dias.
Excetuando-se os dias 24 e 25 de abril, em que poderá haver pernoite, todos os dias os participantes retornarão para seus respectivos domicílios. No dia 23/4 haverá pernoite no Spazio Glampling na ilha de Guaratiba e no dia 25/4 no Camping Farol da Prata, no Rio da Prata em Campo Grande.
Se Alguém desejar pernoitar no Glamping na Ilha de Guaratiba no dia 24/04 e no Farol da Prata em 25/04 por favor entrar em contato com o email do Horacio Ragucci <hragucci@gmail.com> O valor da hospedagem é  de aproximadamente R$ 55,00 não é necessário levar nem saco de dormir nem barraca. No farol da Prata está incluso o café da manhã no Glamping nos prepararemos nosso café da manhã.
Segue abaixo a programação completa da minha travessia, quem me quiser acompanhar em algum trecho e só se juntar ao grupo a hora e local de encontro abaixo indicados.
Saudações
 

quarta-feira, 19 de abril de 2017

terça-feira, 11 de abril de 2017



A Fundação Vitória Amazônica (FVA) está selecionando profissionais para um novo projeto na área de inovação em educação junto a escolas públicas municipais de Manaus, em parceria com a Fundação Telefônica, que se inicia em maio/2017

Termo de Referência para contratação de Assistentes de Gerência (40hs semanais) e de Formadores Locais (30hs ou 40hs semanais) para o
Projeto Aula Digital Manaus
 
CONTEXTO

A
Fundação Vitória Amazônica (FVA) é uma Organização da Sociedade Civil de inovação socioambiental que promove a sustentabilidade na Amazônia por meio da integração do conhecimento tradicional e técnico-científico, para a proposição de políticas públicas e criação de valor compartilhado para o desenvolvimento socioeconômico regional. Nossa atuação se dá em três programas – Conservação Para Gente, Geopolítica da Conservação e Gente Para Conservação, tendo este último a missão de promover e facilitar o acesso ao conhecimento, mobilizar a participação crítica e atuante de atores sociais diversos em ações educativas para o desenvolvimento socioambiental regional. A FVA será a organização executora do projeto Aula Digital em Manaus, e está constituindo uma equipe para sua operação.
O Aula Digital é um projeto da Fundação Profuturo (iniciativa da Telefônica, Fundação Telefônica e Fundação Bancária La Caixa/Espanha) que será implantado em 28 países no ano de 2017. No Brasil, ele é realizado pela Fundação Telefônica, e em Manaus terá a parceria da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) e a execução da FVA para o atendimento de 140 escolas da rede pública municipal. O Aula Digital é um projeto de formação de professores para melhoria da Qualidade da Educação por meio da Inovação Educativa com uso de tecnologias, onde estudantes e professores têm oportunidade de aprimorar suas habilidades e competências. São pilares do projeto: formação de professores e acompanhamento na escola, conteúdos pedagógicos digitais, e equipamentos tecnológicos.
Formação de professores para a Inovação Educativa: Gestão e práticas educativas com uso de tecnologias digitais.
Ambiente Virtual de Aprendizagem para estudantes: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, Tecnologia e Cidadania.
Maleta portátil: laptop com roteador para uso do professor, tablets para uso dos estudantes,
mini projetor, tela de projeção     Para a implantar o Projeto Aula Digital em Manaus, a FVA está contratando Formadores Locais, que se responsabilizarão por acompanhar in loco o desenvolvimento do projeto nas escolas selecionadas; e Assistentes de Gerência do Projeto, que se responsabilizarão pelo acompanhamento técnicopedagógico da equipe.
Rua Estrela D’Alva, 146, Loteamento Parque Morada do Sol - Aleixo Manaus/AM CEP: 69.060-093
Tel.: (92) 3642-4559 | Fax: (92) 3236-3257
fva@fva.org.br www.fva.org.br

Vaga 1 – Assistente de Gerência do Projeto
ATRIBUIÇÕES
Participar de todos os processos formativos no âmbito do projeto.
Supervisionar as atividades de Formadores Locais, apoiando a comunicação entre a Gerência do Projeto e a equipe, garantindo o alinhamento pedagógico da equipe.
Apoiar o gerente do Projeto nas atividades técnicas e/ou administrativas.
Supervisionar a produção de relatórios, inserção de informações em bancos de dados e registros
em fotografia e vídeo realizados pelos Formadores locais sob sua supervisão.
Apoiar e supervisionar a prestação de contas da equipe do projeto e apoiar a logística de
organização das atividades em campo dos Formadores locais.
Assessorar os Formadores Locais no uso da plataforma de acompanhamento on-line do projeto.
Auxiliar na elaboração de diagnósticos de campo das comunidades escolares sob sua
responsabilidade.
Auxiliar a avaliação e monitoramento do projeto, identificando experiências, oportunidades e problemas a serem resolvidos ao longo do processo.
Ter disponibilidade para substituir formadores na assistência às escolas, quando necessário,
bem como para visitar escolas onde foram identificadas necessidades, experiências, etc.
Organizar/apoiar a realização de reuniões semanais de status com o Gerente de Projeto e os
Formadores Locais.
Apoiar a produção e consolidação de relatórios do Projeto para os parceiros.
QUALIFICAÇÕES NECESSÁRIAS
Curso superior, preferencialmente com mestrado, nas áreas de Pedagogia, Informática Aplicada à Educação, licenciaturas e afins.
Especialização em Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) aplicadas à Educação e
experiência em temas como Novas Tecnologias aplicadas ao Currículo, Inovação Escolar,
Mobilização Comunitária e Educação do Campo são diferenciais.
Experiência na formação de docentes na área de TICs, Inovação na Educação e Tecnologia na
Educação, preferencialmente em campo (não somente em ambientes virtuais de
aprendizagem).
Conhecimento sobre diagnósticos participativos e instrumentos de coletas de dados, bem como bancos de dados.
Experiência em programas e projetos educativos que envolveram a rede pública municipal.
Domínio de ferramentas básicas de computador (Pacote Office – Word, Excel, Power Point) e
Internet (pesquisa, não redes sociais).
Experiência administrativa relativa à gestão de projetos (prestação de contas, levantamento de serviços e orçamentos, produção de relatórios e acompanhamento de equipe) são diferenciais.
 
Rua Estrela D’Alva, 146, Loteamento Parque Morada do Sol - Aleixo Manaus/AM CEP: 69.060-093
Tel.: (92) 3642-4559 | Fax: (92) 3236-3257
fva@fva.org.br www.fva.org.br

Experiência/Conhecimento sobre ferramentas de monitoramento e avaliação de projetos.
Experiência acadêmica registrada na produção de conhecimento nas áreas relativas ao escopo do projeto (artigos, livros e capítulos de livros, produções de mídia e construção de aplicativos e plataformas, entre outros) são diferenciais.
HABILIDADES DESEJADAS
Experiência em gestão de equipes e trabalho em equipe.
Conhecimento sobre ambientes virtuais de aprendizagem.
Pró-atividade, boa capacidade de organização e agilidade para apoiar a resolução de problemas.
Facilidade em lidar com tecnologias e plataformas digitais.
Bom relacionamento interpessoal, incluindo público da comunidade escolar (lideranças
comunitárias, jovens, crianças).
Boa expressão oral e escrita, com capacidade de síntese a partir de dados coletados.
Experiência na sistematização de dados secundários e de observação em campo é diferencial.
Facilidade para o trabalho em equipe multidisciplinar.
Habilidade de dirigir veículo (possuir habilitação).
CONDIÇÕES DE TRABALHO
Local de trabalho: escritório da FVA em Manaus, com visitas às escolas participantes do Projeto em pelos menos 30% (trinta por cento) da carga horária mensal;
Regime de Trabalho Celetista (CLT) – 40 horas semanais;
Benefícios: Plano de Saúde, seguro de vida;
Prazo de execução do projeto: maio a dezembro (com possibilidade de renovação para 2018).


Festa do CAQUI Rio da Prata 2017

 
https://br.eventbu.com/rio-de-janeiro/festa-do-caqui-2017/837121
 
 
 

sexta-feira, 7 de abril de 2017



Job Title: Director, Fundação Príncipe Trust

Reporting to: Fundação Príncipe Trust Board /Line managed by: FFI

Working with: The position holder will work closely with FPT colleagues and national counterparts and other stakeholders on all aspects of the job. Responsible for: Principe Trust staff. The position holder will work closely with FPT colleagues and national counterparts and other stakeholders on all aspects of the job. Responsible for: Principe Trust staff

PRÍNCIPE

With important forest and marine ecosystems and levels of endemism comparable to the Galapagos Islands, Príncipe is recognised world-wide for its high biodiversity and is designated as a UNESCO Biosphere Reserve. The Fundação Príncipe Trust (FPT) is one of the few established NGOs operating on the island. It was established in 2015 to promote sustainable development and biodiversity conservation, through projects that strongly focus on supporting the local community and building local capacity. This work aligns with the purposes of the Biosphere Reserve and the FPT works closely with government to support their commitment to safeguard the island’s natural and cultural heritage. FPT’s projects currently focus on sea turtle conservation, establishing and strengthening protected areas (marine and terrestrial), promoting community livelihood, ecotourism and environmental sustainability.

THE OPPORTUNITY

This is an exciting opportunity to lead the FPT’s small team (2 expatriate and 15 local staff) through a period of change in a challenging working environment on the island of Príncipe. Established by the company HBD, and after 3 years of direct support and sponsorship, the FPT is now transitioning towards being a fully self-sufficient organisation. The FPT is seeking a visionary, experienced and dynamic Director to lead the organisation through this period of change and beyond.
Reporting to the FPT Board and with direct support from partner organisations, the Director will lead on organisational direction and all aspects of management including forward strategy, the evolution of operational systems, staff management and fundraising and development. Initially, and until the organisation’s capacity has been built, you will also provide technical oversight of the FPT’s marine programme.
You will be a qualified and experienced manager, able to provide strong leadership and take responsibility for the management and development of the organisation from the outset. An effective communicator with strong people management skills, you will have the skills and experience required to build a supportive working environment and effective team. You will also have technical experience in a relevant field including biodiversity conservation and/or social development. You will have a proven track record in all aspects of programme and/or project management and will be skilled in providing advice and technical input to the design,development, implementation and evaluation of projects. Príncipe is a small remote island; this position will suit an individual who is solutions-oriented and who enjoys working in a dynamic and challenging environment.

TERMS AND CONDITIONS

Start Date: 1st June or as soon as possible
Duration of contract: One-year fixed term contract, with potential to extend subject to business need and funding availability
Probation Period: Four months
Salary range: EUR 31,500 - EUR 36,500 depending on skills and experience (cost of living on Principe estimated at €500 per month)
Location: Fundação Príncipe Trust, Santo Antonio, Príncipe, São Tomé & Príncipe
Benefits: For international appointments, FFI expatriate benefits apply:
30 working days’ annual leave entitlement plus national public holidays observed in Príncipe
Accommodation allowance of EUR 370 per month
Medical insurance
Relocation flight on commencement of employment (if applicable)
Repatriation flight on termination of employment (if applicable)
NB: This is an unaccompanied position
Hours of Work: This is a full-time position requiring flexible working.

HOW TO APPLY

Applications, consisting of a covering letter explaining why you are applying for the position and relating your experience and skills to the role, a full CV, and contact details for two referees (who will not be approached without your permission) should be submitted via email to Eurasia@fauna-flora.org or by post to Rebecca Plant, Programme Finance Officer, Eurasia at: Fauna & Flora International, The David Attenborough Building, Pembroke Street, Cambridge, CB2 3QZ, United Kingdom
Please mark your application ‘Director, Fundação Príncipe Trust and indicate in your covering letter where you saw this position advertised.
Check full job description and application instructions on the attached application pack.
The closing date for applications is Sunday 30 April 2017.
Find out more about Principe Island at: 

http://www.fauna-flora.org/principe-island-a-tiny-biodiversity-wonder-in-the-gulf-of-guinea/